O Sesi/SP não deixou o Montes Claros jogar e impôs o seu ritmo na tarde deste domingo, no ginásio da Vila Leopoldina, em São Paulo/SP. A equipe paulista estava concentrada e não deu chances para os mineiros. Fecharam o jogo por 3 sets a 0, com parciais de 25/18, 25/17 e 25/22, em 1h15 de partida.

O Pequi Atômico começou o primeiro set bem equilibrado, mas deixou o Sesi/SP, na base da pressão, abrir em 6 a 2 devido aos erros na linha de passe, que foram quebrados com o saque flutuante, obrigando o técnico Sérgio Cunha pedir tempo e chamar a atenção dos atletas.

Os erros continuaram pelo lado dos visitantes, e o Sesi foi abrindo 10 a 5, 11 a 7, 15 a 10. Em erros do Sesi, o MC Vôlei voltou a encostar em 17a 14. Mas com o bom saque de Lipe, os mandantes voltam a abrir 20 e 14 e novo tempo técnico pedido pelo Sérgio Cunha. 

O pedido ajudou os visitantes a encostarem novamente. Mas, a equipe não soube aproveitar os erros e com um saque forte e dois bloqueios seguidos, um do Franco e outro do Gustavão, o MC Vôlei perdeu o set por 25/18.

Os outros sets seguiram a mesma toado do primeiro sete, com o Montes Claros não conseguindo pressionar a equipe da casa. 

Com a vitória, o Sesi/SP continua na quarta posição da tabela com 15 pontos, conquistados em sete jogos, sendo 5 vitórias e 2 derrotas, com 17 sets vencidos e 7 perdidos. 

Já o MC Vôlei sofre a sua quarta derrota seguida na Superliga, e tem 4 pontos conquistados em seis partidas disputadas. São 5 derrotas e uma vitória, com 7 sets vencidos e 16 perdidos.

O próximo desafio do Montes Claros Vôlei é em casa no domingo (19), às 15h, contra o EMS/Taubaté/Funvic, segundo colocado na classificação. O jogo terá transmissão ao vivo pelo Canal SporTV.