Faltava espaço na sala de imprensa da Toca da Raposa II, onde jornalistas, cinegrafistas e fotógrafos buscavam, ontem, o melhor posicionamento, o ângulo perfeito para registrar uma das apresentações mais concorridas do Cruzeiro nos últimos anos: a do atacante Fred.

Em sua primeira entrevista coletiva após 12 anos e meio longe do clube, o novo camisa 9 disse que seu retorno foi decidido com apenas meia hora de conversa com a diretoria celeste. “Quando eu sentei para conversar com o Itair foram 30 minutos de conversa para resolver o negócio, algo simples de se fazer”, garantiu o atacante.

Apesar da felicidade pelo retorno à Toca II, Fred também revelou tentativas frustradas de diretorias anteriores à atual no Cruzeiro, que também queriam o centroavante de volta.

“Algumas vezes tentei ma volta, mas não deu certo, e dessa vez as coisas aconteceram naturalmente. O Itar junto com o Wagner conversaram. Eu estava com as malas prontas para ir ao exterior, passagem marcada, e quando pintou a oportunidade, eu centralizei as forças no Cruzeiro novamente. Minha família toda é daqui, todo mundo sabia o desejo do meu coração também.

Assim como fez no vídeo que oficializou sua chegada ao clube, após rescindir contrato com o Atlético, Fred deixou claro que retorna ao time do seu coração. 

“A gente faz planos, mas a resposta vem de Deus. Eu vi que o Cruzeiro é tão cuidado que acaba mimando a gente, realizando nossos sonhos. Tenho a oportunidade mais uma vez de vestir a camisa, time do meu coração”, reiterou.

A última partida de Fred pelo Cruzeiro em sua primeira passagem na equipe aconteceu em 24 de agosto de 2005, em um empate em 0 a 0 com o Flamengo. Depois ele seguiu para o Lyon-FRA, Fluminense e Atlético.