A passagem do meia-atacante Valdívia pelo Atlético teve mais pontos negativos que positivos. Não à toa, ele deixa o clube antes do término de contrato de empréstimo. Será repassado pelo Internacional ao São Paulo. Antes de assinar oficialmente com o Tricolor, o jogador se despediu do Galo no Instagram.

“Foram alguns meses juntos e muitos momentos marcantes! Obrigado, Atlético, pela oportunidade e pela sequência que me deu em 2017. Obrigado, Massa do Galo forte e vingador. Sigo em frente, mas com vocês no coração! Até mais!”, escreveu o atacante.

Na postagem, ele aparece comemorando um dos dois gols que marcou pelo Galo, na derrota de 2x1 para o Fluminense no Maracanã, no ano passado. Em 33 jogos, foram outras duas assistências.

Números modestos que aceleram a saída do atleta, também catalisada pelas duas participações abaixo da média em 2018, quando foi escalado como armador do time reserva de Oswaldo de Oliveira.

Valdívia agradeceu a sequência de jogos em 2017, uma vez que ele vinha de período pós-cirurgia no joelho esquerdo, que o deixou afastado dos gramados por seis meses no Internacional, além de perder a Olimpíada 2016, quando o Brasil foi medalhista de ouro

O jogador de 23 anos tinha contrato no Galo até 31 de maio, mas terá o vínculo rescindido para se repassado ao São Paulo. Inclusive, ele já teria feito exames no CT da Barra Funda.
 
ESTÁDIO
A diretoria atleticana anunciou que o novo estádio do clube, que será construído na região Noroeste de Belo Horizonte, terá capacidade aumentada de 42 mil para 47 mil pessoas. O clube informou que não haverá alterações na estrutura da arena nem no preço do projeto, orçado em R$ 420 milhões.