Com o objetivo de auxiliar na formação de profissionais que atuam em escolas quilombolas, para a compreensão sobre a Educação Escolar Quilombola enquanto uma política de ação afirmativa, o Governo de Minas Gerais, por meio da Secretaria de Estado de Educação (SEE) promove a capacitação “Afirmando Direitos”.

O curso reúne gestores, professores, servidores das escolas, analistas educacionais, superintendentes e inspetores relacionados com as 32 escolas estaduais quilombolas do Estado de Minas Gerais.

São ofertadas 130 vagas no total e a carga horária é de 40 horas, dividido em dois módulos de 20 horas cada e acontecem em dois polos: Belo Horizonte e Montes Claros.

Sob a coordenação da Professora Shirley Miranda (Faculdade de Educação da Universidade Federal de Minas Gerais - FAE/UFMG) e do Grupo de Pesquisa sobre Educação e Quilombos (GPEQ), com o apoio do Ações Afirmativas da UFMG e da SEE, o primeiro módulo aconteceu entre os dias 10 e 12 de agosto, em Belo Horizonte, com mais de 100 inscritos. Este mesmo módulo será replicado para as escolas e regionais alocadas em Montes Claros, nos dias 24, 25 e 26 de agosto.