Serão realizadas, durante este mês, novas edições do projeto Arte da Palavra – Rede Sesc de Leituras. São ações que atuam em toda a cadeia da produção literária. As próximas atividades vão ser na rua Viúva Francisco Ribeiro, 200, no Centro, no próximo dia 15, a partir das 18h.

Montes Claros receberá a mesa “O portunhol selvagem na literatura contemporânea latino-americana”, com os autores Joca Terron e Douglas Diegues. A proposta é analisar como a mescla de línguas é uma das bases da literatura latino-americana contemporânea, que rompe com a língua única enquanto império estatal e tem como uma de suas bases a linguagem como um animal selvagem não domesticado. A participação em todos os encontros é gratuita, com retirada de convites antes do início da atividade.

O Arte da Palavra – Rede Sesc de Leituras é um circuito atuante em todas as regiões do país que estimula a divulgação de autores nas suas diferentes formas de manifestações. Durante este ano, mais de 70 representantes da diversidade literária brasileira percorrerão todos os estados. Em Minas Gerais, o projeto começou em abril, em Poços de Caldas. 

A ideia é promover o intercâmbio de artistas e a formação de leitores. O projeto pretende oferecer ações que atuem em toda a cadeia da literatura, incluindo a formação e a divulgação de novos autores, a valorização das formas de produção e fruição literária, possibilitadas pela emergência de discursos periféricos e a utilização de novas tecnologias.

SERVIÇO:
Convidados: Douglas Diegues e Joca Reiners Terron
Dia 15 de maio, às 18h
Rua Viúva Francisco Ribeiro, 200, centro
Entrada gratuita